Ceará realiza Congresso Estadual da IAM


A Infância e Adolescência Missionária (IAM) do Ceará realizou, nos dias 7 a 9 de junho, na cidade de Iguatu, o seu II Congresso Estadual. Tendo como tema: “IAM da América a serviço da Missão”, e lema: “Vocês são meus amigos” (Jo 15,14), o Congresso reuniu 150 pessoas de todas as dioceses do Regional Nordeste 1 da CNBB (Ceará), e alguns representantes da Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Rio Grande do Norte.

A programação contemplou momentos de interação, formação e espiritualidade. Na noite cultural não faltou o forró “Pé de Serra”, quadrilha e apresentações. A ornamentação deu destaque aos cinco continentes, com símbolos missionários, bandeiras, além dos instrumentos típicos do nordeste.

Coube ao secretário nacional da IAM, padre André Luiz Negreiros, abordar o tema central. “Infelizmente, no mundo, ainda temos crianças e adolescentes que são explorados e marginalizados diariamente”, disse o assessor ao apontar desafios como os veículos de comunicação, o trabalho infantil, a exploração sexual, o abandono, as drogas, o abuso sexual e moral, a falta de presença nas escolas, a miséria e inúmeras formas de violências. Padre André pediu dedicação dos grupos nas atividades propostas para vivenciar o Ano da IAM no Brasil. “É importante envolver as crianças e adolescentes em atividades concretas. Isso faz a diferença”, defendeu.


A programação incluiu ainda trabalhos de grupos, seguidos de uma partilha através de encenações. No sábado, dia 8, todos participaram da caminhada até a Catedral onde houve, no fim da tarde, uma missa presidida por dom João José Costa, O.Carm, bispo de Iguatu e vice-presidente do Regional Nordeste 1. Na celebração com o povo, padre André fez uma pequena explanação sobre a Obra da IAM e padre Camilo Pauletti, diretor das Pontifícias Obras Missionárias (POM) fez a homilia motivando para a dimensão missionária da Igreja. O coordenador do Conselho Missionário Regional (Comire) Nordeste 1, padre Antônio Lopes de Lima, também participou de todo o encontro.

O Congresso foi enriquecido com vários testemunhos missionários de Irmãs religiosas, jovens e do bispo emérito de Iguatu, dom José Mauro Ramalho, de 88 anos.

Percebemos que a IAM no estado do Ceará está em crescimento. Hoje, são mais de 500 grupos. Assim também crescem os grupos de Juventude Missionária (JM) e começam a surgir grupos de Famílias e Idosos Missionários. Constatamos ainda, um bom número de religiosas e seminaristas que, junto com os assessores e animadores, fazem uma bonita caminhada, dando força e apoio às Obras Missionárias”, relata padre Camilo. “O Congresso contribuiu para motivar, partilhar, celebrar e buscar forças a fim de continuar a caminhada e ajudar a nossa Igreja a viver em estado permanente de missão. Parabéns ao estado do Ceará, pela esperança que nos dá, no fortalecimento das nossas Obras Missionárias”, conclui o diretor das POM.

Participo da IAM há 17 anos e a cada ano que passa minha paixão só aumenta”, comenta Sara Guerra Carvalho de Almeida, coordenadora da JM no Regional Nordeste 1. “Esse ardor missionário é mobilizador e está implícito em minha forma de agir, pensar, trabalhar, estudar e interagir. Essa maneira sutil de servir ao próximo, sem esperar nada em troca, me faz um diferencial nesta sociedade repleta de interesses individualistas”, afirma. “Sai desse Congresso ainda mais apaixonada e derretida de amores pela missão. O carisma das POM me faz uma jovem missionária muito feliz, realizada e mobilizada a ajudar ao próximo. Ver a IAM crescendo, amadurecendo e ocupando espaços importantes na nossa Igreja reforça em mim a vontade de trabalhar ainda mais”, reforça a jovem.

FONTE: Pontifícias Obras Missionárias - POM




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Missa De Aniversario e Consagração Das Crianças Da Infância E Adolescência Missionária ...

Musicas da Infância Missionária

Brincadeiras de Crianças